"Tirar dentro do peito a Emoção, A lúcida verdade, o Sentimento! (...)" Florbela Espanca

30
Out 08

 

Imponente na imensidão

Chega a todo o mundo

Como auspício caminho

Mas sereno no coração.

 

A vida na essência

Jorrando a diversidade,

Tem na sua tempestade

O equilíbrio da paciência.

 

Abraçando a grande rocha,

Extensas areias beijando

Segue sempre ondulando

Por toda a sua vida eterna.

 

18.10.08

publicado por luabranca81 às 20:40

Só tenho pena que não faças destas pérolas com mais regularidade. O talento que tens e a alma que emprestas aos teus poemas, exigem-no. Um abraço.
manu a 30 de Outubro de 2008 às 21:51

Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17

22
23
25

26
27
28
29


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

RSS
Procurar
 
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape
Visitas
Visitantes
blogs SAPO