"Tirar dentro do peito a Emoção, A lúcida verdade, o Sentimento! (...)" Florbela Espanca

05
Nov 08

 

Queria-me em teus braços,

Sentir as tuas mãos

Acariciando meu corpo.

Sentir os teus beijos,

Sentir teu calor e sonhar.

Olhar teus olhos lindos,

Mergulhar no seu brilho

E não mais acordar.

 

A tua voz fazia-me arrepiar,

Gelava-me por inteira.

Ficava petrificada e muda,

Percorria-me um medo

Que me impedia de falar,

De tocar a tua pele,

De abraçar a vida,

E de te amar.

 

Catarina Azevedo (22.05.00)

publicado por luabranca81 às 08:21

Um sonho no teu olhar
E assim...
bem perto de ti
fazes de conta...
que ele existe
e um dia
perto...
Hão-de se amar!

Beijo moça
Utopia das Palavras a 5 de Novembro de 2008 às 16:56

Obrigada. Adorei.
Beijos.
luabranca81 a 5 de Novembro de 2008 às 18:48

Quando se escreve com o coração
os poemas ganham uma alma nova
digo o que penso, e com razão
se dúvidas houvesse, eis a prova

Mais um poema cheio de alma. Abraço.
manu a 5 de Novembro de 2008 às 19:48

Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
15

16
17
18
20
21

24
25
26
27
28
29

30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

RSS
Procurar
 
blogs SAPO